Covid-19: Ministério da Saúde formaliza ações para compra de vacinas

Governo Federal prevê a compra de mais de 135 milhões de vacinas contra a Covid-19. Negociação será feita diretamente com as empresas

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, durante sua cerimônia de posse no Palácio do Planalto. Foto: Reprodução Brasil 61

Após a redução da vacinação contra a Covid-19 em alguns estados por causa da quantidade insuficiente de vacinas, o Ministério da Saúde informou que tem contratos alinhados para a compra da vacina russa Sputinik V.

Além disso, a pasta oficializou, com a aprovação do Projeto de Lei nº 534/2021 pela Câmara dos Deputados, a intenção de adquirir 138 milhões de doses das vacinas da Pfizer e da Janssen.

A proposta de compra autoriza que o governo federal, os estados e municípios assumam riscos de indenização aos cidadãos caso aconteçam efeitos adversos das vacinas. Essa era uma das exigências da Pfizer e que dificultava as negociações com o Ministério da Saúde. 

O governo federal prevê, em documento publicado no Diário Oficial na última quarta-feira (03/03), que a licitação na compra será dispensada. Assim, a negociação para adquirir 100 milhões de doses da Pfizer e 38 milhões da Jansen, será feita diretamente com as empresas.

Segundo o Panorama sobre as doses da vacina, o Brasil tem 9.739.696 de doses aplicadas e 2.321.824 pessoas vacinadas, que corresponde a 1,10% da população totalmente imunizada.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments