Brasil poderia estar melhor se Bolsonaro ajudasse, diz ACM Neto

Prefeito de Salvador, ACM Neto lamenta postura do presidente Jair Bolsonaro na luta contra a pandemia de covid-19 e cobra alinhamento.

Prefeito de Salvador, ACM Neto lamenta postura do presidente Jair Bolsonaro na luta contra a pandemia de covid-19 e cobra alinhamento.
Prefeito de Salvador, ACM Neto lamenta postura do presidente Jair Bolsonaro na luta contra a pandemia de covid-19 e cobra alinhamento.

O Brasil poderia estar mais próximo de deixar o isolamento social e retomar o funcionamento da maioria das atividades se o presidente Jair Bolsonaro colaborasse. Essa é a opinião do prefeito de Salvador, ACM Neto, do Democratas.

“Neste final de semana ele voltou a participar de aglomerações no Distrito Federal, o que é lamentável. Se houvesse um alinhamento entre governos municipais, estaduais e federal, se o presidente estivesse colaborando, talvez nós já estivéssemos retomando as atividades no Brasil, com protocolo sério, rigoroso, mas era muito provável que estivéssemos retomando as atividades”, disse Neto, em coletiva na manhã desta segunda.

Por contraditório que possa parecer, para o prefeito de Salvador, o sucesso das medidas de isolamento contribuem para um afrouxamento das precauções contra o coronavírus por parte da população.

“Porque quanto mais a gente consegue evitar o número desenfreados de óbitos e o colapso no sistema de saúde, mais o ambiente parece confortável”, disse Neto.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments