MPF move ação contra Pazuello por caos na saúde no Amazonas

O Ministério Público Federal processa Eduardo Pazuello e mais duas autoridades estaduais pela gravidade da pandemia no Amazonas

Ex-Ministro da Saúde é processado pelo MPF
Além de Pazuello, Marcellus Campelo e Francisco Ferreira Máximo Filho estão no processo do MPF

Está ajuizada a ação do Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello e o Secretário de Saúde do Estado do Amazonas, Marcellus Campelo pelo caos na saúde do estado em decorrência da pandemia da covid-19.

As autoridades são acusadas de omissão, quando em em dezembro de 2020 e janeiro deste ano, o Amazonas registrou um aumento de número de mortes de pacientes infectados pelo novo coronavírus, pela falta de oxigênio nas unidades de saúde amazonenses.

Entre a situações que causaram o caos, estão a lentidão do Ministério da Saúde no envio de equipe para diagnosticar e a nova onda da pandemia e a demora na adoção de medidas para transferir pacientes que aguardavam leitos.

Além de Pazuello e do Secretário, a ação de improbidade administrativa, ajuizada nesta quarta-feira (14/04) também inclui o coordenador do Comitê de Crise do Amazonas, Francisco Ferreira Máximo Filho.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments