Noite de premiação no cinema: “E o Oscar vai para…”

Distanciamento social e premiações inéditas marcaram a cerimônia que premia o cinema mundial, o Oscar 2021 neste domingo (25/04)

"E o Oscar vai para..."
Oscar 2021 neste domingo (25/04)

A noite deste domingo (25/04) foi de estrelas. Adaptada à pandemia, a maior cerimônia de premiação do cinema mundial o Oscar 2021 manteve o glamour apesar das restrições devido à Covid-19.

A entrega dos troféus foram feitas nos grandes salões Union Station de Los AngelesUnion, onde estavam a maioria dos indicados ao prêmio. Outros estavam no Reino Unido em Londres e mais alguns apareceram via satélite de lugares como Paris, Praga e Sydney.

Na cerimônia presencial, as estrelas se mantiveram à uma distância segura uma das outras. Vários astros se revezaram na apresentação e a abertura foi feita pela diretora e atriz ganhadora do Oscar Regina King.

Além da cerimônia ocorrida de forma inédita, também teve outros acontecimentos que fizeram do Oscar 2021 algo inédito, como a premiação da primeira mulher asiática como melhor diretora. A cineasta chinesa, Chloé Zhao, levoua estatueta pela direção do filme Nomadland que conta a história de uma mulher em busca de trabalho após a depressão econômica nos Estados Unidos.

Mais uma novidade foi uma atriz coreana a ganhar um Oscar pela primeira vez. Youn Yuh-jung, de 73 anos, ganhou o Oscar pela atuação em Minari. Destaque também para a diretora Regina King, que abriu seu discurso repetindo veredito de Derek Chauvin, o policial condenado na semana passada em todas as três acusações na morte de George Floyd, morto em 25 de março de 2020 em Mineápolis , Minnesota, EUA.

Nomadland levou os prêmios mais cobiçados: Melhor filme, melhor atriz, melhor direção, mas outras categorias também são muito importantes. Aqui estão os demais premiados. E o Oscar vai para…

Melhor filme

  • Nomadland (Em cartaz nos cinemas)

Melhor direção

  • Chloé Zhao, de Nomadland (Em cartaz nos cinemas)

Melhor ator

  • Anthony Hopkins, de Meu pai (Now, Google Play)

Melhor atriz

  • Frances McDormand, de Nomadland (Em cartaz nos cinemas)

Melhor ator coadjuvante

  • Daniel Kaluuya, de Judas e o messias negro (Em cartaz nos cinemas)

Melhor atriz coadjuvante

  • Youn Yuh-jung, de Minari (Em cartaz nos cinemas)

Melhor filme internacional

  • Druk – Mais uma rodada, Dinamarca (Now, Apple TV, Google Play)

Melhor roteiro adaptado

  • Christopher Hampton e Florian Zeller, por Meu pai (Now, Google Play)

Melhor roteiro original

  • Emerald Fennell, por Bela vingança (Estreia nos cinemas prevista para maio)

Melhor figurino

  • Ann Roth, por A voz suprema do blues (Netflix)

Melhor trilha sonora

  • Trent Reznor, Atticus Ross e Jon Batiste, por Soul (Disney+)

Melhor animação

  • Soul (Disney+)

Melhor curta de animação

  • Se algo acontecer… te amo (Netflix)

Melhor curta-metragem de ficção

  • Dois estranhos (Netflix)

Melhor documentário

  • Professor polvo (Netflix)
Nomadland recebeu os prêmios de melhor filme, melhor diretora e de melhor atriz

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments