Tudo sobre Domènec Torrent, provável novo técnico do Flamengo

Com recusa de Carvalhal, Domenèc Torrent virou favorito para o lugar de Jesus no Flamengo. Saiba tudo sobre a carreira do ex-auxiliar do Pep Guardiola.

Com recusa de Carvalhal, Domenèc Torrent virou favorito para o lugar de Jesus no Flamengo. Saiba tudo sobre a carreira do ex-auxiliar do Pep Guardiola.
Com recusa de Carvalhal, Domenèc Torrent virou favorito para o lugar de Jesus no Flamengo. Saiba tudo sobre a carreira do ex-auxiliar do Pep Guardiola.

Ex-auxiliar de Pep Guardiola, Domènec Torrent é o favorito para substituir Jorge Jesus no comando técnico do Flamengo. O espanhol assumiu a preferência dos cartolas rubro-negros após negativa do português Carlos Carvalhal, que levou o Rio Ave-POR para a Liga Europa.

O vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz, e o diretor executivo Bruno Spindel estão na Europa e já se reuniram com Torrent e Carvalhal. Como o português, segundo a imprensa local, vai assumir o Braga-POR, os cartolas rubro-negros solicitaram ao espanhol uma proposta financeira e começam, nesta terça (28/07), a discutir valores.

De acordo com o jornalista Mauro Cézar Pereira, da ESPN Brasil, Domènec Torrent quer trazer dois nomes para formar sua comissão técnica – Jordi Guerrón, ex-auxiliar de Pablo Machin no Sevilla, e Jordi Gris, que já morou dois anos no Brasil e é fluente em português. Machin trabalhou com Torrent na equipe de Guardiola e também no New York City, último clube do treinador.

O espanhol ainda não definiu os outros dois integrantes de sua comissão. O preparador que sempre o acompanha não está disponível para o Brasil por questões pessoais. A vaga de preparador de goleiros também está aberta. Torrent pediu sugestões de nomes a colegas do Manchester City e pode acatar indicações do Flamengo. O fato de trazer quatro auxiliares não deve ser um entrave, uma vez que Jorge Jesus trouxe nove para o Ninho do Urubu.

Programa “Bem Amigos”, do Sportv, repercute provável acerto do Flamengo com Torrent.

Escudeiro de Pep Guardiola

Domènec Torrent tem 68 anos e é catalão de Santa Coloma de Farners. Foi um meio-campista sem muito destaque, nos inexpressivos EU Olot e AD Guixols, na década de 1980. Virou treinador no início dos anos 90, com passagens pelos nanicos Palafruguell e Palamós, equipes regionais na Espanha. Em 2005, teve oportunidade num time de relevância nacional, o Girona. Mas a trajetória dele lá foi rapidamente interrompida pelo convite de Pep Guardiola, que queria Torrent para o auxiliá-lo no Barcelona. Começaria ali o período mais vitorioso da carreira de Domènec no futebol.

A dupla iniciou no Barcelona B, que disputava a quarta divisão da Espanha. Na temporada de estreia, 2007-2008, levaram a equipe a conquistar o acesso. O bom resultado fez com que fossem promovidos para o time principal, na época seguinte. Permaneceram no Barça até 2012, ganhando, simplesmente, todos os títulos possíveis. Alguns, mais de uma vez, incluindo duas Champions League.

Provável novo técnico do Flamengo, Domènec foi o fiel escudeiro de Guardiola em todo o trabalho seguinte, no Bayern de Munique, e no início no Manchester City, até que, em 2018, decidiu seguir carreira solo. Torrent sempre teve a função de comandar os treinos de campo e ser o assistente direto de Guardiola, sentando a seu lado nas partidas.

Foram 24 títulos em 11 anos de parceria com Pep, até que Torrent aceitou o convite para dirigir o New York City FC na MLS, principal liga de futebol dos EUA. Ele chegou para substituir Patrick Vieira, lendário ex-jogador francês que tinha ido para o Nice-FRA.

Algumas jogadas do New York City de Domènec Torrent, que fez história na MLS.

New York City

No clube, que é dos mesmos donos do City, Domènec fez história. Conseguiu o inédito título simbólico da conferência leste (o time nunca tinha passado de fase), com seis pontos de frente para o segundo colocado. Também classificou o New York City para a Concacaf Champions League, o torneio de clubes das Américas Central e do Norte. Só foi eliminado da MLS nos pênaltis, no mata-mata.

Em entrevista ao site “Ninho da Nação”, site de cobertura do Flamengo, Saulo Araújo, dono da conta @brasil_nycfc, elogiou a vocação ofensiva de Torrent, mas alertou para o desequilíbrio do time em sua passagem pelo futebol americano.

“Eu definiria como uma equipe que gostava de jogar com a bola e buscava sempre o resultado, porém não tinha o mesmo cuidado com a defesa. O NYCFC sempre ia pra cima e fazia muitos gols, mas também sofria muitos gols. Para se ter uma ideia nos seus primeiros 27 jogos foram marcados 37 gols e 38 sofridos”.

Torrent deixou os EUA elogiado pela imprensa e torcida locais, com retrospecto de 29 vitórias, 14 empates e 17 derrotas em 60 partidas.

Rafinha, lateral do Flamengo, elogia Domènec Torrent no “Resenha ESPN”.

Estilo de jogo

Segundo matéria de Lazlo Dalfovo no jornal Lance, o esquema mais utilizado por Domènec é o 4-2-3-1 (apesar de ter se dado bem no 3-4-3 em Nova York), com jogadores de velocidade nas pontas, intensa movimentação dos homens de frente e, assim como Guardiola, protagonismo para os laterais no apoio. Proposta de jogo que pode beneficiar o lateral-direito do Flamengo, Rafinha, que esteve no Bayern quando Domènec passou por lá.

“Foram três anos que trabalhamos juntos no Bayern, depois ele foi para o City com o Pep. É aquela história, ele é da escola do Cruyff, né? É um cara que sabe tudo e mais um pouco de bola. No Bayern, os treinamentos quem dava era ele, o Guardiola ficava só corrigindo e tal. É um cara que dispensa comentários”, disse Rafinha no “Resenha ESPN”, da ESPN Brasil.

Outro ex-comandado que referendou Torrent foi o atacante Hérber Araújo, do New York City. “Ele é muito inteligente, parte tática absurda. Super gente boa, lida bem com o grupo. Ele é o tipo de treinador que deixa tudo mastigado antes do jogo. Onde ataca, onde defende, pontos fortes e fracos. Se ele chegar no Flamengo, vai dar uma continuidade boa para o trabalho do Jorge Jesus”, disse Héber em entrevista ao Fox Sports.

Pep Guardiola diz que Domènec Torrent está preparado para assumir o Flamengo.

Aval de Pep

Mas de todas as recomendações públicas a Domenèc Torrent, a que teve mais peso veio de Manchester, na Inglaterra. Justamente a do ex-companheiro Pep Guardiola.

“Eu acho que ele está absolutamente preparado para qualquer país. Ele fez a melhor temporada da história do New York City FC na última temporada. Ele é incrivelmente bem preparado, tem muita experiência. Não tenho nenhuma dúvida sobre sua capacidade. Eu aprendi muito com ele, aprendemos juntos. Parte do nosso sucesso que tivemos em Munique e aqui em Manchester foi por causa dele”,  falou Guardiola, em entrevista ao canal “Esporte Interativo”.

Boas referências e vontade a Domenéc não faltam para que ele seja o novo treinador do Flamengo. O espanhol já deixou claro que quer e sente-se preparado para o desafio. “Conheço perfeitamente a equipe que eles (Flamengo) têm. A minha prioridade é treinar um grande clube. O Flamengo é um dos maiores ao redor do mundo – falou o espanhol”, disse Torrent. Agora, falta assinar!

Títulos como auxiliar de Guardiola

  • Liga dos Campeões da Uefa (2)
  • La Liga (3)
  • Campeonato Inglês
  • Copa do Rei
  • Supercopa da Espanha (3)
  • Copa da Liga da Inglaterra
  • Campeonato Alemão (3)
  • Copa da Alemanha (2)
  • Mundial Interclubes (3)
  • Supercopa da Uefa (3)

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments